Drenagem Urbana

Drenagem Urbana

Matéria 30/04/2022

Muita gente não sabe, mas a drenagem urbana também é um dos 4 serviços do Saneamento Básico. E devido à crescente ocupação desordenada dos centros urbanos, ela se torna cada dia mais essencial. A falta de um bom sistema de drenagem urbana acarreta em alagamentos, inundações, deslizamentos e perda de rios e lagos. A Drenagem urbana é o sistema de manejo projetado pelo poder público para coletar águas provenientes da chuva e escoá-las para galerias de águas pluviais e esgotos pluviais até um curso hídrico capaz de recebê-las.

Devido à impermeabilização dos solos nos centros urbanos, principalmente causada pela pavimentação, a água não consegue se infiltrar no solo, como ocorre na natureza, ao invés disso, ela se empoça. E a drenagem existe justamente para reduzir esses empoçamentos. Esses empoçamentos em contato com os seres humanos, causam doenças, como a Leptospirose, oriunda da urina de roedores que é encontrada nas ruas. Além disso, as poças também deixam as pistas bem mais perigosas para os motoristas. Portanto, um bom sistema de drenagem nas rodovias é essencial para que a pista esteja segura e também para que aumente a sua durabilidade.

Vale destacar, que o esgoto pluvial não é o mesmo que o esgoto sanitário e inclusive eles não podem se misturar. Ligações clandestinas da água pluvial com o esgoto doméstico são contra a lei, a tubulação do esgoto não foi dimensionada para suportar a vazão da chuva e por isso o seu diâmetro é muito menor, o que acaba causando rompimentos na rede de tubulação e extravasamentos, gerando um enorme transtorno, pois toda a sujeira e mau cheiro do esgoto acabam retornando para dentro das casas, colaborando com a incidência de doenças. E o inverso, ou seja, ligar o esgoto na rede de drenagem urbana também é incorreto, pois ao invés de ser destinado para as estações de tratamento, ele irá correr nos bueiros de água pluvial da cidade, permitindo assim a sua extravasão para as ruas e logo depois será despejado diretamente em algum manancial, poluindo as suas águas.

Portanto, um adequado sistema de drenagem, proporciona uma série de benefícios, como: redução de gastos com manutenção de vias públicas; condições razoáveis de circulação de veículos e pedestres em áreas urbanas, por ocasião de chuvas frequentes e/ou intensas; eliminação da presença de águas estagnadas e lamaçais, focos de doenças; valorização das propriedades existentes na área beneficiada; redução de danos às propriedades e do risco de perdas humanas e redução de impactos da chuva ao meio ambiente, como erosões e poluição de rios e lagos.

E além do sistema de drenagem urbana, outra boa destinação para água pluvial é armazená-la corretamente até a chuva cessar. Essa boa prática evita que ocorram as enchentes, inclusive no Estado de São Paulo, já existe lei que fala sobre a obrigatoriedade da captação e o armazenamento da água de chuva captada por áreas descobertas superiores a 500m² e diversos outros municípios também já estão adotando tais medidas, justamente para não sobrecarregar o sistema de drenagem da cidade. E além de apenas armazenar, você ainda pode aproveitá-la na utilização de algumas atividades que não requerem água potável, como por exemplo, lavar as calçadas, ou um carro, irrigar um jardim e abastecer os vasos sanitários. Ou seja, além de evitar que ocorram enchentes, você ainda consegue economizar água potável. Caso queira entender melhor sobre como aproveitar a água pluvial, entre em contato conosco que será um prazer poder ajudar.


Autor: Julia Lelis